sábado, 21 de maio de 2016

[RESENHA] MINHAS PALAVRAS – RAQUEL MORELLI

Por Ingrid Cristina

Olá, queridos companheiros de viagem. Como vão todos? Espero que estejam ótimos. Hoje iremos viajar até o coração de uma mocinha muito sensível e graciosa, através de seus textos.


Recentemente, o blog Plataforma 9 ¾ fez parceria com a escritora Raquel Morelli, de 22 anos, que mora em Jaú/SP. É professora de português e inglês e descobriu-se amante da escrita ainda com 12 anos. Cinéfila assumida, Raquel encontra tempo para escrever para os blogs “Dear Book” e “Heath Ledger Brasil”; além, é claro, de ter seu próprio blog para a divulgação de textos.


Minhas palavras é um compilado de textos que Raquel veio escrevendo ao longo da sua caminhada de escritora, alguns desses textos foram publicados em seu blog. São textos expositivos, uma vez que nos mostra tudo que se passava no coração dessa doce menina no momento em que os escrevia. Podemos chamá-los também de textos reflexivos ao passo em que eles nos fazem olhar para dentro de nós mesmos e nos analisarmos. Lendo os textos dela pude reviver vários momentos da minha vida que estavam esquecidos, mas que pude senti-los intensamente.


Em cada poema e relato, encontramos uma moça em fase de amadurecimento, que está passando dessa fase de menina para mulher, que está fazendo a troca das bonecas pelas responsabilidades.
Raquel vai nos introduzindo nos acontecimentos do dia-a-dia, nos encontros e desencontros da vida, nas desventuras e aventuras de uma pessoa que ama e que se deixa ser amada. Além de nos levar ao encontro das saudades, dos amores, das decepções, das conquistas, das alegrias e aborrecimentos, enfim, de todos os sentimentos e situações que todo mundo experimenta durante sua vida.

É exatamente isso que faz o livro ser tão bom, ele se encaixa em nós. Quem nunca sentiu saudade de casa quando estava fora? Quem nunca sentiu aquela vontadezinha de ligar para o amado, mas por medo dele não atender preferiu não ligar? Quem nunca teve aquele ídolo que só de vê-lo na TV ou saber algo sobre ele já ficava com frio na barriga? São exatamente esses sentimentos e situações que são abordados em Minhas Palavras.

No geral, eu me identifiquei absurdamente com os textos dela, às vezes chegava a me perguntar quando foi que eu tinha dado permissão a ela para escrever sobre minha vida; no entanto, dois textos em especial foram bastante tocantes para mim. O primeiro texto, “Aquela ilusão boa”, me fez lembrar as inúmeras vezes que idealizei pessoas e momentos e quando a realidade – que por vezes é dura – me olhava fundo nos olhos, eu ficava acanhada e assustada. Quantos amores de transporte coletivo eu já vivi, já até perdi as contas. Mas como é muito bem lembrado pela autora, tudo não passava de bons sonhos, doces ilusões que precisavam ser abandonadas para atender o chamado da realidade.


“Mas o que eu sempre pude fazer era fantasiar. Usar o exterior e criar um interior tão belo quanto, mesmo que na vida real, você poderia não ter. E foi o que eu fiz. Passei anos vivendo essa ilusão boa, te amando por dentro da cabeça e sempre me contentei com isso. Mesmo sem saber o que era e por quê era. Por fim, percebi que tudo não passou de um sonho bom, mas que a realidade chama para vivê-la.”(Pag. 07)

O segundo texto, “Eu sou minha maior saudade”, também foi muito marcante para mim uma vez que me transportou para um momento da vida no qual minha maior preocupação era saber se tinha bicho papão embaixo da cama ou saber qual o próximo desenho assistir. Um tempo em que eu estava tão intertida em ser quem eu realmente era e me ocupando com coisas que eu realmente gostava de fazer que nem percebia quando os coleguinhas de escola implicavam com minha aparência ou com meus cachos rebeldes. Ah! Que saudades daquela menina boba, ingênua e pacata.

Mas como Raquel bem lembra, o tempo passa e passa rápido demais e por mais que eu continue assistindo Bob Esponja e ICarly, sei que quando o despertador tocar na segunda de manhã, eu terei que me levantar e encarar as inúmeras responsabilidades de uma vida adulta.

“Mas eu sinto saudades, sim, claro. De sonhar, de pensar, de amar, de fazer, de ser quem eu era. Criança, pré-adolescente, adolescente.”       (Pág. 08)

Estão vendo? Os textos desse livro são escritos com tanta veracidade, doçura e sensibilidade, que podemos fazer lindas reflexões de nós mesmos e relembrarmos fatos e momentos importantes da nossa vida. Muito obrigada, Raquel, por me proporcionar esse momento tão gostoso com suas palavras. Ou seriam minhas palavras?

Por último, gostaria de ressaltar a linda homenagem que a autora faz ao seu ídolo, Heath Ledger. Eu amei os textos que se referiam à ele, uma vez que sou uma fã incondicional do Coringa – personagem que foi brilhante interpretado pelo autor. E claro, ela cita também Johnny Depp, ator que eu acompanho desde que me entendo por gente e amo.


Enfim, o livro é recheado de muitos sentimentos e emoções que, com certeza, irão lhe falar ao coração.

“Coisas que no passado eu jamais imaginaria pensar, fazer ou ser, eu penso, faço e sou.” (Pág. 11)

“Mas, acima de tudo, acima de qualquer outra vida que você possa ter tido, eu me apaixonei por você, HEATH LEDGER, daquele jeitinho que você sempre foi. E eu realmente queria que você tivesse tido outras vidas, pois, sem dúvidas, eu me apaixonaria por elas também.” (Pág. 20)

“Não gosto de magoar as pessoas com o que eu falo ou faço, por isso muitas vezes permaneço em silêncio. Mas eu descobri que o silêncio também magoa.” (Pág. 24)

Então, se você está à procura de um livro que te olha nos olhos e te faz experimentar um milkshake de emoções a cada página, eu lhe recomendo muito ler Minhas Palavras, de Raquel Morelli.

Deixarei o link das redes sociais da autora aqui embaixo, é só entrar em contato.

Ficamos por aqui, galera. Um beijo no coração de todos e até a próxima! <3

Redes sociais da autora -
Facebook: https://www.facebook.com/textosraquelmorelli/
Instagram: https://www.instagram.com/rm_escritora/
Blog: http://textosraquel.blogspot.com.br/ 

16 comentários:

  1. Ah esse livro deve ser muito lindo. Eu adoro conferir obras assim, onde o leitor consegue refletir por meio dos textos e se encontrar nas palavras. Fiquei muito curiosa e desejo muito sucesso a autora.
    Beijos, Fer

    ResponderExcluir
  2. o livro deve ser muito bom , com essas palavras que li aqui na resenha deu pra ver que ele fala de sentimento,emoçoes,me vi nele, me fez refeltir sobre a vida,,,o que passou ,,, e que nao volta mais.

    ResponderExcluir
  3. Olá, tudo bem contigo ?
    Eu não conhecia a autora, logo não sabia de seu livro rsrs,as achei bem bacana ela ter juntado todos (ou alguns) os seus textos e reunir em um livro, me parce ser uma leitura bem leve e divertida. Espero poder ler em breve, ate mais vê
    Bjks

    ResponderExcluir
  4. Agora estou louca para ler esse livro, ainda bem que será a minha leitura da semana hahaha

    ResponderExcluir
  5. Oii
    Não conhecia o livro e nem autora. O livro deve ser encantador, e por ser vários textos com certeza todos devem encontrar pelo menos um que se identifique.
    Fiquei com vontade de ler haha Espero ter a oportunidade.
    Beijoos
    http://estantemineira.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oi!
    Não conhecia a autora mas já tinha visto o livro antes.
    Gosto de livros assim pois acho que você sempre se identifica com um e é ótimo para refletir.

    Beijos,
    Júlia
    www.caixinhaliteraria.com.br

    ResponderExcluir
  7. Ola, tudo bom?
    Amo livros assim,pois podemos refletir e nos identificar rsrs. Fiquei bastante curioso e já quero ler.
    Abraços!!

    ResponderExcluir
  8. Oi, amo livros assim, que nos faz identificar com o que a autora tá passando e acho que amaria ler esse livro, já que ele me fez lembrar coisas da minha vida e eu me identifiquei muito com a autora, me colocando no lugar dela, já que também escrevi textos ao longo dos anos. Amei a resenha.
    bjus

    ResponderExcluir
  9. Parece ser um livro bem bacana para quem está nessa transformação, muito bom quado a gente se identifica tanto né?
    beijos

    ResponderExcluir
  10. Oi Ingrid, tudo bem?
    Nossa, adorei sua resenha! Você conseguiu transmitir muito bem os sentimentos que a autora lhe proporcionou com esse livro, que parece ser tão incrível. Sinto que se o ler acabarei sentindo nostalgia pois vou me identificar bastante com o que ela escreve. Afinal, quem nunca se apaixonou pelos ídolos da TV? Quem nunca se decepcionou com certas pessoas? Sua resenha está espetacular e espero ler o livro num futuro próximo e gostar tanto quanto você.

    Beijos! ♥

    ResponderExcluir
  11. Olá , tudo bem ?
    Eu não conhecia a autora , porém o livro dela me chamou muita atenção como você diz que os textos delas vão mostrando um pouco do seu amadurecimento da fase que ela troca as bonecas pelas responsabilidades , o livro parece ser bem voltado ao cotidiano de uma mulher/garota! Garanto que muitas meninas que leram esse livro se encantaram !

    ResponderExcluir
  12. Olá Ingrid!
    Menina estou apaixonada por esse livro, quero urgentemente kkkk, que fofo e que lindo e que tocante, adorei conhecer essa obra, então obrigada pela indicação!
    Bjokas

    ResponderExcluir
  13. Ooi, Ingrid <3 Devo dizer, antes de tudo, que sempre quando eu venho aqui no seu blog, eu me sinto tão acolhida, tão bem-vinda! Esse sentimento me faz sorrir e querer ficar por aqui para sempre :3
    Sobre a resenha: amei! Muito bem clara e bem escrita, além de resenhar com paixão mesmo. O livro me interessou e a gente sempre tem aqueles textos que nos faz questionar sobre nossas escolhas passadas e até as futuras. Livros assim nos faz ver que não acontece com com a gente :D
    Beeijos e parabéns pelo blog, pelos seus textos e posts maravilhosos. Sucesso e Deus te abençoe sempre!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aiiii, Ruh, me ensina como se lida com essa sua fofura. Não dou conta. Você não imagina como me alegrou ao ler isso. Muito obrigada, minha flor. De coração! 💜💜

      Esse livro é muito bom mesmo. Super recomendo. Ele nos desperta sentimentos muito bons de serem vividos. ❤❤❤❤

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  14. Olá :D
    Gostei bastante do seu texto, o livro realmente parece ser muito bom.
    Sucesso nessa parceria :D

    ResponderExcluir

Gostou da matéria? Então deixe seu comentário abaixo.
Beijo!