quarta-feira, 19 de outubro de 2016

[Resenha] Desventuras em série: a sala dos répteis - Lemony Snicket

Olá, olá, transeuntes da querida Plataforma 9 ¾!
Se preparem, pois agora vamos conferir a desfavorável continuação da vida azarada dos órfãos Baudelaire. Para quem ainda não leu a resenha de Mau começo, o primeiro livro da série, é só clicar aqui.

Como já era de se esperar, após muito sofrer e andar na corda bamba, os irmãos Baudelaire conseguem escapar das garras do terrível Conde Olaf. Porém, não conseguiram colocá-lo atrás das grades e o vilão encontra-se solto por aí, só à espreita de uma oportunidade para agarrá-los pelo colarinho.

A sala dos répteis nos apresenta mais um laço familiar de Violet, Klaus e Sunny, e aqui estamos falando do conceituado herpetologista Dr. Montgomery Montgomery (sim, o nome e sobrenome dele são iguais); ou simplesmente tio Monty, como ele prefere ser chamado.

Tio Monty é o extremo oposto do terrível Olaf, tendo se mostrado um homem carinhoso, doce e muito amável com as crianças. Tudo isso sem mencionar a sua incrível biblioteca, para deleite de Klaus; suas inúmeras armadilhas para répteis, que são um desafio para a mente inventiva de Violet; e inúmeras cordas com nós impossíveis de se desatarem, necessitando assim que os 4 dentinhos afiados de Sunny entrem em ação.

Os dias vão bem e as crianças até passam a acreditar que poderão ser felizes ali com o tio, ainda mais com a expectativa para a expedição que irão fazer para o Peru. Mas você acreditaria se eu dissesse que essa expedição nunca aconteceu? Pois acredite.

Dias antes de a viagem acontecer, tio Monty e as crianças recebem em sua casa o cientista Stephano, que será assistente na expedição; mas Klaus, Violet e Sunny logo percebem que se trata de Conde Olaf disfarçado. E o desespero começa. Na tentativa de alertar ao tio que Stephano nada mais é que o tirano Olaf, os órfãos sofrem ameaças, passam por momentos de angústia terríveis e são assaltados por mais um infortúnio da vida.

E agora, o que serão dessas ricas e desafortunadas crianças? Quem irá tirá-los das garras de Olaf? Como fazer com que os adultos acreditem em suas palavras?

A sala dos répteis prova que a história de Lemony é sim a história mais azarada que o mundo já viu e prova também que o azar dessas crianças está apenas começando. Olaf se mostra extremamente frio e calculista, colocando todos contra as crianças; elas, por sua vez, precisarão ser tão calculista como ele, se quiserem se safar vivos dessa.

Mais uma vez meço minhas palavras para não contar nenhum spoiler, mas digo com toda certeza que o encanto da escrita de Lemony só aumenta a cada volume dessa série. E você que está lendo essa resenha, não se assuste por se tratar de uma série de 13 livros, todos eles possuem menos de 150 páginas e o leitor é tão cativado que não consegue parar de ler.

Bem, vou ficando por aqui, um beijo no coração de todos e até a próxima! <3

16 comentários:

  1. Olá
    Eu ainda não li essa série, mas morro de vontade, especialmente porque já li muitos comentários positivos a respeito. Gostei muito de ler sua postagem, e fiquei ainda mais curiosa para adquirir essa série. Acompanhei a sua resenha do primeiro livro e foi ótimo poder ler mais essa, por isso fico no aguardo das próximas.
    Beijos, Fer
    www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
  2. Oi, Ingrid!
    Adorei o post, pois tenho muita vontade de ler os livros desde a minha adolescência.
    Sua resenha me deixou mais curiosa ainda...
    Beijão!

    ResponderExcluir
  3. Essa série está pra sempre no meu coração e este é um dos meus volumes favoritos de toda a saga. Realmente é complicado resenhar sem soltar um ou outro spoiler, mas acho que a resenha ficou perfeita.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    Eu nunca tive vontade de ler essa série, embora sempre veja bons comentários sobre ela por aí. Fiquei sabendo que está por vir uma adaptação dela no netflix, talvez eu assista e, se gostar, embarque nos livros.
    Ainda que não me atraia, no momento, eu gostei de saber que teu encanto com a escrita só aumenta!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Eu só li o primeiro livro dessa série, mas tenho muita curiosidade de ler todos!
    Sua resenha me deixou mais animada ainda, fui até procurar pelo box, ainda mais com a adaptação da Netflix chegando, preciso ler urgentemente!
    Sua resenha ficou ótima!

    Virando Amor

    ResponderExcluir
  6. Oi. Estou fugindo de séries, mas tem dois aspectos fortes quefazer eu quebrar essa regra, 1. Esse enredo é fantástico; 2. Cia das Letras é a minha editora queridinha. Por isso, quando você diz que seu encanto só aumenta conforme vai se deliciando com cada livro da série, não duvido.

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Sou louca para ler esse livro, assisti ao filme e achei muuito bacana a forma como os irmãos são unidos e todas as coisas que Conde Olaf faz para ter elas em suas mãos.
    Adorei saber que eles conhecem o Tio Monty e que ele é uma boa pessoa, dando até esperança para os pequenos. É muito azar o que esses protagonistas passam, mas acho que vale muito a pena.
    Adorei saber que a história é cativante e que cativa cada vez mais.
    Dica mais do que anotada.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  8. Essa série é um amor <3 Li apenas os dois primeiros volumes, e ambos foram incríveis. Realmente é super cativante e o leitor não vê o tempo passar. Tenho um carinho imenso pelos personagens, até pelo conde Olaf!! Fiquei felicíssima quando soube que a Netflix está produzindo uma serie dos livros. O primeiro trailer é uma graça <3
    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. oie, que bom que esse livro também te cativou e que o autor consegue nos prender. realmente são bastante livros mas o tamanho deles é razoável. Tomara que você continue gostando da série.

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Meu sonho de consumo é o box dessa série! Ainda não li os livros mas morro de vontade, porque já assisti ao filme e mesmo sabendo que é totalmente diferente, não deixa de ser ótimo. Mal posso esperar para a adaptação da Netflix estrear!
    Beijos.
    http://arsenaldeideiasblog.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  11. Nossa, há quanto tempo li Desventuras em Série. Gosto muita dos livros, pois não são baseados em finais felizes. Por mais que seja fictício, nos faz lembrar que a vida não é fácil. Abraços

    ResponderExcluir
  12. Oie
    Tudo bem?
    Como já disse na primeira resenha da serie eu quero fazer essa leitura dessa serie os 13 livros me davam um pouco de receio mesmo sabendo que são livros finos mais confesso que estou ficando com um pouco mais de vontade.
    Amei a resenha
    Bju
    Mary Reis

    ResponderExcluir
  13. Meu Deus, uma resenha daquelas que deixaa gente mais louca ainda pra fazer a leitura do livro, e olha faz tanto tempo que eu quero começar a ler essa série mas ainda não tive a oportunidade. adorei a tua resenha e espero ter oportunidade de conhecer mais profundamente essa história em breve.
    beijoos

    ResponderExcluir
  14. Olá.

    Uaau! Eu não sabia que os livros dessa série tinha menos de 150 páginas. Eu já estava desanimada para conferir a leitura, mas agora q vc me disse isso já quero embarcar. Esse tipo de trama é uma daquelas q eu gosto. Fico feliz q o livro tenha te cativado e espero lê-lo em breve.

    Beijos!
    www.anebee.com.br

    ResponderExcluir
  15. Oie
    O mais engraçado é que no filme essa é uma das Partes mais rápidas! Eles juntaram os primeiro livros para fazer um e ficou mais ou menos. Confesso que sou louca pelos livros da série. Em especial esse por trazer répteis diferentes, um cientista maluco. A leitura é bem rápido mesmo e Viciante

    ResponderExcluir
  16. Ainda não iniciei essa série, mas vejo tantos elogios que quero uma hora procurar os livros para adquirir e ler. Conheço apenas a história do primeiro filme, adaptações não costumam ser fiéis, mas lembro que gostei bastante e que queria continuação, então acredito que irei amar os livros! <3

    ResponderExcluir

Gostou da matéria? Então deixe seu comentário abaixo.
Beijo!