segunda-feira, 19 de dezembro de 2016

[RESENHA] O AR QUE ELE RESPIRA – BRITTAINY C. CHERRY

Por Ingrid Cristina

Olá galera! Hoje é segunda-feira e nada melhor do que iniciar a semana com a resenha de uma história linda e que eu adorei poder conferir. Então vamos lá!

Sinopse: Como superar a dor de uma perda irreparável? Elizabeth está tentando seguir em frente. Depois da morte do marido e de ter passado um ano na casa da mãe, ela decide voltar a seu antigo lar e enfrentar as lembranças de seu casamento feliz com Steven. Porém, ao retornar à pequena Meadows Creek, ela se depara com um novo vizinho, Tristan Cole. Grosseiro, solitário, o olhar sempre agressivo e triste, ele parece fugir do passado. Mas Elizabeth logo descobre que, por trás do ser intratável, há um homem devastado pela morte das pessoas que mais amava. Elizabeth tenta se aproximar dele, mas Tristan tenta de todas as formas impedir que ela entre em sua vida. Em seu coração despedaçado parece não haver espaço para um novo começo. Ou talvez sim.

Como superar e conviver com a perda do amor da sua vida? Onde encontrar forças para seguir em frente sem a pessoa que você ama? Um coração partido pode voltar a bater por amor?

Essas são algumas das perguntas que rodam os protagonistas dessa trama. “O ar que ele respira” nos apresenta a história de vida de Tristan Cole e Elizabeth e nos mostra como as tragédias que suplantaram a felicidade de cada um, contribuiu para que eles se encontrassem.

Já nos primeiros capítulos nos deparamos com uma Elizabeth sofrida, amargurada, de coração partido e insatisfeita com o estilo de vida que sua mãe mantém. Após a morte de seu marido, Steven, Elizabeth não conseguiu suportar o peso das lembranças e acabou se mudando com Emma, sua filha, para a casa da mãe. Mas isso não lhe ajudou em muita coisa, então ela decide voltar para a casa onde viveu com o marido.

É nesse momento que nos é apresentado Tristan, o cara mais mal humorado e turrão da cidade, alguém que não faz questão de ter boas relações com os vizinhos e está pouco se lixando para o que pensam dele. Mas o que ninguém sabe é que Tristan carrega consigo os estigmas de ter perdido a esposa e o filho de uma forma muito trágica. É claro que o destino ia tramar para que Tristan e Lizzie se esbarrassem em algum momento.


“Como duas pessoas tão imperfeitas e tão devastadas conseguiriam estabelecer uma ligação?”



O primeiro encontro desses dois não é dos mais agradáveis e logo nota-se que para haver uma amizade ou algo mais entre eles, algumas arestas precisam ser aparadas. No decorrer da história, Tristan e Lizzie começam a usar um ao outro para superar a perda de seus respectivos parceiros e é desse “acordo” mútuo que surgirá um amor forte e sincero, mas não sem antes enfrentarem grandes barreiras.


“Todos falavam mal de Tristan, imploravam para que eu não me aproximasse dele. Ele é um grosso, um desequilibrado, um homem devastado, Liz, todos diziam. Ele não é nada além, de cicatrizes do passado, garantiam.

Mas as pessoas não o viam como ele era. Ignoravam o fato de que eu também era meio esquisita, meio desequilibrada e estava completamente devastada.

Mas, quando estava com ele, eu me lembrava de como respirar.” 

Em minha humilde opinião, o livro foi muito bem escrito e os personagens foram muito bem construídos. Além dos protagonistas, temos a melhor amiga de Lizzie, que é fundamental para ela nesse retorno para sua cidade. Faye é uma mulher linda, louca, que não tem filtro na língua, e que se auto-impôs a missão de ajudar a amiga a superar toda dor e perda pela qual passou e ainda está passando. Resumindo: ela é o tipo de amiga que todo mundo deveria ter. Nos rende muitas risadas durante a trama.

Não posso deixar de falar da filha de Lizzie, uma garotinha doce, amável e muito, muito esperta. Foi por ela que Elizabeth se forçou a seguir em frente e sorrir quando, muitas vezes, queria chorar. Ela rende bons momentos na história e nos faz emitir a aquela onomatopeia chamada “Owwmmm!”.


O ar que ele respira” é muito mais que um romance, é uma história de superação e segundas chances. É uma história onde vemos dois corações partidos, estilhaçados, sendo reconstruídos, restaurados. É um livro cheio de referências literárias e que, com certeza, proporciona um maravilhoso momento de leitura.

“Eu estava bem vagando sozinho, porque viver todo santo dia era uma tortura. Mas Lizzie apareceu e, apesar de eu estar morto, ela me viu. Ela teve a paciência de me ressuscitar. Ela trouxe a vida de volta à minha alma. Ela me tirou da escuridão.”

Essa é a primeira experiência que tenho com a escrita da autora e ela não poderia ter sido melhor. Com uma escrita leve, dinâmica e fluida, Brittainy conquistou minha admiração e já me encontro ansiosa para conferir mais alguns de seus trabalhos.

Vou ficando por aqui, um beijo no coração de todos e até a próxima! <3

22 comentários:

  1. Olá
    Ahhh o que dizer desse livro? Dessa autora? Eu sou bem suspeita em comentar porque admiro muito o trabalho dela e amei fazer essa leitura. Realmente há muito mais que o romance em sim, há toda uma superação que empolga o leitor e garante uma leitura mais envolvente ne..

    Beijos, Fer
    www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
  2. Olá,

    Sempre que vejo esse livro bate um misto de sentimentos e uma vontade de ler a história toda novamente. Eu gosto muito da escrita da autora e venho acompanhando até mesmo as obras em inglês da mesma. Esse livro foi uma das melhores surpresas que tive em 2016 e como você fiquei encantada com o romance e toda a problemtática que surgiu na história. Ambos muito bem construídos.

    Abraços,
    Cá Entre Nós

    ResponderExcluir
  3. Olá
    Eu particularmente tinha uma pérola pressão bem ruim sobre esse livro, tanto que cheguei a não ler ele, mas mudei de idéia e acabei adicionando nos meus desejados kkk. Eu também querouito ler o outro livro da mesma autora. Não sei se estou enganado,,mas acho que já vi a capa da sequência. Enfim, espero ler muito em breve. Até mais ver
    Bjk

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    Fiquei super curiosos para conhecer esse livro, achei a sinopse muito top e sua resenha melhor ainda. Gosto de livros recheados com drama, principalmente quando há perdas. Irei anotar a indicação!

    Abraços

    ResponderExcluir
  5. Olá,

    Tenho muita expectativa quanto a esse livro e adorei sua opinião. Ainda que o modo que os personagens se conhecem não tenha sido um dos melhores, achei legal a forma de aproximação dos dois. Saber que os personagens foram bem construídos e a história bem escrita, me cativa ainda mais. Espero ler logo!

    http://www.virandoamor.com/

    ResponderExcluir
  6. A Brittany é dotada de um dom para a escrita que poucos tem. Poucos mesmo. Ela tem uma sensibilidade ímpar e demonstra em todos os seus livros. Já li o Sr Daniels dela e já li o terceiro volume dessa série em inglês. Não sei porque ainda não li esse livro, mas pretendo ler em breve.

    Ademais eu amo livros que tem criança na trama. Eles trazem uma leveza e uma fofura.

    ResponderExcluir
  7. Oi.

    Já fiz a leitura e também gostei muito.
    Realmente sem a Faye o livro não seria o mesmo, ela trouxe humor e leveza tão necessários para um livro que lida com um drama tão pesado.
    Eu também adorei a filha dela, é muito fofa e inteligente.

    Adorei a resenha!

    ResponderExcluir
  8. Oi!
    Brittainy é uma autora tão boa que é difícil falar de seus livros. Já li os dois que foram lançados aqui e fiquei apaixonada pelo seu trabalho. Ela vai além do romance em si e seus personagens são sempre muito verdadeiros, com marcas causadas pela vida assim como todos nós, tornando impossível não se sentir cativado por eles e sua história.
    Beijos!
    Por Livros Incríveis

    ResponderExcluir
  9. Olá Ingrid,
    Esse livro é um dos queridinhos do ano e foi muito bom ter lido, uma vez que, as segundas chances que os personagens se permitem tocaram meu coração. Também achei a filha da Lizziw muito Owwwn e a presença da Faye foi essencial para mim!
    A única coisa que não me agradou a forma como o Tris trata a Lizzie, apesar de, depois, eu ter entendido.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  10. Oi, Ingrid

    Eu ri com "a onomatopeia chamada own"! hahaha
    Eu comprei esse livro assim que ele foi lançado, mas não consegui ler até agora! ¬¬*
    Esse negócio deles começarem a se usar é bem louca, né? Mas todo mundo está amando esse livro, então tenho certeza que vou amar também!

    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Oiee Ingrid ^^
    Eu vi opiniões bem divergentes a respeito deste livro, então estava um pouco receosa se deveria ou não lê-lo. Tinha medo de me decepcionar, então demorei bastante para colocá-lo na listinha de desejados...hehe'
    Parece ser lindo, e saber que a autora desenvolveu muito bem os personagens me deixou curiosa para conferir, parece ser emocionante
    MilkMilks ♥
    Milkshake de Palavras

    ResponderExcluir
  12. Olá...li várias resenhas sobre essa obra e achei bem intrigante, tem gente que ama, outros já não gostam tanto assim. Acho que vou ter que conferir para tirar essa dúvida.

    Abraços

    ResponderExcluir
  13. Pela capa eu tinha uma ideia diferente do livro, mas li inúmeras resenhas extremamente positivas desse livro e fiquei curiosissima pra ler logo!
    www.belapsicose.com

    ResponderExcluir
  14. Oie!
    Eu já li esse livro e adorei essa história!
    Os personagens são maravilhosos, o enredo super envolvente, e cada capítulo deixa o leitor mais curioso para saber como será o envolvimento entre eles. Adorei cada momento da leitura.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  15. Olá =) Faz um tempinho que ando querendo ler esse livro. Lendo sua resenha só aumentou a vontade. Fico feliz que saber que é realmente bom. Adorei a resenha e saber um sua opinião em relação a obra. Beijos'

    ResponderExcluir
  16. Oii!!!
    Já tinha visto sobre esse livro, e mais uma vez sinto aquela certeza de que eu devo ler. Geralmente quando um sofrimento não é bem superado, a penso tende a virar uma pessoa amargurada, e é isso que me chama atenção nesse livro, entende melhor o motivo dos dois e também o que pensam. Gostei muito da sua resenha, bem explicativa e sem spoilers!
    Beijos

    ResponderExcluir
  17. Ola!!!
    Eu sou apaixonada por esse livro, e mesmo lendo e amando, não pude deixar de ler sua resenha, que meu deu aquela saudade da história. Parabéns pela resenha.

    Seu blog está lindoooo.
    Beijos

    ResponderExcluir
  18. Olá!
    Já recebi milhares de recomendações sobre esse livro, mas sempre passei ele para depois, pensando que era apenas um romance bobo. Porém, sua resenha me instigou a ler esse livro. A história me parece realmente linda e não posso perder a oportunidade.
    Obrigada pela dica.
    Bjs

    ResponderExcluir
  19. Oi Ingrid, ainda não formei uma opinião sobre esse livro, e não sei se me arrisco a ler. Isso porque já li várias resenhas dele, e percebi que, apesar dele ter sido um dos queridinhos de 2016, contém alguns detalhes que não chamam minha atenção. Porém, sou apaixonada por romances, provavelmente vou embarcar na leitura. Abraços

    ResponderExcluir
  20. Olá!
    Eu já tinha ouvido falar desse livro, mas nunca prestei muita atenção a história, nem tinha lido a resenha dele ainda. Pelo que parece, a história parece ser muito linda e como você gostou tanto, acho que vale muito a pena a leitura. Ahhh e fiquei muito curiosa pra saber dessas referências literárias, adoro!
    Beijos,
    Nay
    Traveling Between Pages

    ResponderExcluir
  21. Oie
    muito legal sua resenha, eu li o livro quando lançou mas infelizmente esperava bem mais e certos pontos me deixaram bem decepcionada mas mesmo assim quero ler outras obras da autora

    beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  22. Oi, tudo bem?
    Sabe que eu já ouvi falar muito desse livro, até sempre senti uma certa vontade em ler ele, mas não sabia exatamente do que se tratava. Adorei ver a sua resenha e descobrir que ele é um romance envolvente. Eu sou suspeita de falar pois amo livros assim, e sua resenha está muito bem escrita e fiquei com mais vontade de ler ainda. Com toda certeza lerei em breve.

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir

Gostou da matéria? Então deixe seu comentário abaixo.
Beijo!